O que é o seguro de vida?

Tempo de leitura: 3 minutos

Seguro de VIDA é um contrato entre uma empresa seguradora e uma pessoa física (segurado) mediante o pagamento de um prêmio (valor) o qual ela se obriga a indenizar ao segurado uma quantia em dinheiro acordada na apólice em caso de um sinistro (acidente involuntário imprevisto) coberto. Além do valor (capital segurado) previsto pode-se conter outras cláusulas adicionais de indenizações e de benefícios ao segurado. As coberturas mais comuns são a de auxílio funeral, traslados de corpos e até mesmo assistências 24 horas em viagens.

Apólice de seguro de vida é um documento cuja seguradora emitente se compromete a pagar uma indenização caso ocorra um sinistro previsto em suas condições gerais, condições especiais ou condições particulares. Nos dias atuais as apólices são documentos eletrônicos, mas até em pouco tempo atrás elas eram adornadas e bonitas.

O que é cobertura ou capital segurado no contrato de seguro de vida?

Quando você ouve a palavra cobertura na verdade quer dizer que existe uma proteção de prejuízos financeiros contra um determinado risco, isto é o capital segurado. Saber quais os tipos disponíveis no mercado segurador e qual é a melhor opção de cobertura e de importância segurada para cada caso é essencial para escolher o melhor contrato para você a um custo suportável.

Em última análise o seguro de vida é proteção financeira assegurada por uma apólice e recomendada especialmente para quem não dispõe uma reserva em dinheiro. Além disso, um seguro de vida não entra em inventário e isso pode ser a salvação de uma família na hora de um evento. Então, se acontecer algo com você, sua família terá uma quantia imediata para pagar todos as despesas?

As coberturas de seguro de vida constam na apólice e as mais comuns são;

Cobertura por morte

A cobertura por morte é a mais comum de um seguro de vida. Ela pode abranger óbito por causa acidental ou natural ou ambas.

Cobertura por invalidez

Esse é o tipo de contrato que você pode usufruir em vida. A cobertura por invalidez serve para os casos em que acidentes ou doenças, perda permanente ou total dos movimentos de membros e funcionamento de órgãos. Ou seja, quando um acidente ou doença compromete sua capacidade laboral.

Cobertura por invalidez funcional permanente total por doença

Neste caso, o risco contratado é invalidez por doença. Mas tal cobertura funciona da mesma forma que as outras, alterando só a causa da invalidez.

Cobertura por incapacidade temporária – DIT

Se você ficar impossibilitado de trabalhar por um período devido a um acidente ou doença cobertos pelo seguro o SEGURADO receberá um valor/salário mensal até o limite de diárias contratadas e capital varia de acordo com o contrato feito.

Cobertura de doenças graves

Para quem tem em sua família um histórico de doenças graves essa cobertura pode salvar a sua vida.

Uma dica importante

Seguro de vida deve cobrir cinco anos de renda!

Investir não é apenas procurar os melhores e mais seguros produtos financeiros disponíveis no mercado. Para ter tranquilidade, o capital segurado, em caso de morte do provedor familiar, a indenização do seguro de vida deve ser o equivalente a pelo menos cinco vezes a sua renda anual.

Cinco anos é o tempo mínimo necessário para que a família reestruture suas finanças em caso de morte do principal provedor. Para certos casos, esse valor deverá ser ainda maior, principalmente se tem filhos pequenos e quer garantir a educação deles em instituições privadas até o fim da faculdade.

Por outro lado, o seguro é uma despesa mensal que pode durar um longo tempo, por isso a regra básica é que o custo mensal com o seguro de vida não pode superar 3% do salário do contratante. Vale destacar que o valor pago limita tanto a indenização a ser recebida quanto a extensão da cobertura do seguro.

SOLICITE AGORA INFORMAÇÕES

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *